🦁🙌🏾👑🙌🏾🦁

Bantu queen meets with African descendants in Rio

Diambi Kabatusuila, the queen of the Bantu ethnic group Bena Tshiyamba from Bakwa Indu, met today (March 11) with activists from the black, indigenous and Afro-Brazilian movement at an event in Rio de Janeiro.

The queen was crowned in 2016 and rules over a population living in the Democratic Republic of Congo. During her tour of Brazil, which began on February 27, she has already visited Salvador and Belo Horizonte. Now the queen will also visit São Paulo.

“Brazilian culture has brought together the best of Europe, the best of Africa, and the best of the indigenous peoples, the owners of this land. And although this was not done in the right way, because there was a lot of violence and disrespect for the people who were living here and against all Africans who were forced to come, you managed to do something incredible,” she said, adding that all ancestries in the country must be recognized, including by the education system. “Imagine teachers who teach the history of the African people and say how great we are. We are not only the creators of humanity, but also the founders of civilization,” the queen said.

Diambi Kabatusuila also stressed that it is necessary to learn from the indigenous peoples life in harmony with nature and teach children and young people to seek this balance. In closing the speech, she defended that the population covers the rulers and said that each person is part of the resources of a nation.

“Listen to the music of the favelas, how beautiful it is. Yes, there is much suffering, but she shines the best light when they do what they love to do. They are also our resources, the people you do not consider because you think you are poor because you have no material possessions. They have so much more going on here (in the head) and here (in the heart). “

The state secretary of culture and creative economy, Ruan Fernandes Lira, welcomed the queen and said that it is necessary to use the cultural sector to generate employment and income in the state. “The doors of the secretariat are open to any future partnership.”

🦁🙌🏾🙌🏾🦁👑👑
PORTUGUES:

Rainha de etnia bantu encontra descendentes de africanos no Rio

A rainha Diambi Kabatusuila, da etnia bantu Bena Tshiyamba de Bakwa Indu, se encontrou hoje (11) com ativistas do movimento negro, indígenas e brasileiros descendentes de africanos em um evento no Rio de Janeiro.

A rainha foi coroada governante em 2016 e lidera uma população que vive na República Democrática do Congo. Em sua visita ao Brasil, que começou em 27 de fevereiro, ela já passou por Salvador e Belo Horizonte e também irá a São Paulo.

“O Brasil tem uma cultura que trouxe o melhor da Europa, o melhor da África, e o melhor dos povos indígenas, donos dessa terra. E embora não tenha sido feito do jeito certo, porque houve muita violência e desrespeito pelas populações que estavam aqui e contra os africanos que vieram forçados, mesmo assim vocês conseguiram fazer algo incrível”, disse ela, que defendeu que é preciso reconhecer toda a ancestralidade do país inclusive no sistema educacional. “Imagine professores que ensinem a história do povo africano e diga o quão grande somos. Não somos apenas os criadores da humanidade, mas os fundadores das civilizações”, disse a rainha.

Diambi Kabatusuila destacou também que é preciso aprender com os povos indígenas a vida em harmonia com a natureza e ensinar as crianças e jovens a buscar esse equilíbrio. Ao encerrar o discurso, ela defendeu que a população cobre os governantes e disse que cada pessoa faz parte dos recursos de uma nação.

“Ouça a música das favelas, como é bonita. Sim, tem muito sofrimento, mas ela brilha a melhor luz quando fazem o que amam fazer. Elas também são nossos recursos, as pessoas que vocês não consideram porque consideram que são pobres por não terem bens materiais. Eles têm tanto mais acontecendo aqui (na cabeça) e aqui (no coração)”.

O secretário estadual de cultura e economia criativa, Ruan Fernandes Lira, deu boas vindas à rainha e disse que é preciso usar o setor cultural para gerar emprego e renda no estado. “As portas da secretaria estão abertas para qualquer parceria vindoura”.

LEAVE A REPLY

Please enter your comment!
Please enter your name here